A coragem que brota da família

A coragem que brota da família

Todo dia uma devocional para sua família. Leia mais….

20/05/2020

“No amor não há temor, antes o perfeito amor lança fora o temor; porque o temor tem consigo a pena, e o que teme não é perfeito em amor.”
1 João 4.18.

Ouça o áudio deste devocional gravado pelo Pr. Laurindo.

O medo é uma condição básica da natureza humana. É uma reação normal ao perigo ou a uma agressão. Adolescentes sentem medo de não agradar os outros. Jovens sentem medo de não serem aprovados para ingresso no ensino superior. Adultos perdem o sono ao pensarem em desemprego, fracasso, divórcio ou velhice. Idosos sentem medo da solidão e de não ter quem cuide deles em situação de doença. É na família que se descobre a coragem para enfrentar o inimigo que não pode paralisar.

A coragem brota da certeza de ter Deus em sua vida. Brota da liberdade, da confiança adquirida no processo de crescimento. Quando o bebê começa a andar, naturalmente cai e com a força dos pais, ele se levanta e vai em busca dos próprios passos. Para cada etapa da vida se tem um tombo para superar e é no espaço da família que o ser humano se torna corajoso, pois a coragem é desenvolvida e aperfeiçoada até o momento de enfrentar a morte física.
É preciso coragem para amar, para aceitar a Cristo para obedecê-lo, pois a CORAGEM revela presença de Deus. Jesus é o mais forte aliado, a perfeita alegria para encarar o medo. O Espírito Santo é também Espírito Encorajador. Ele ajuda a descobrir do que se tem medo, ensina como enfrentar, dá forças para suportar, é a âncora em que se pode confiar, dá valentia, colocando o medo para correr, educa para a prudência e ensina o discernimento diante das situações.

Para refletir:

I) Em quais situações você sente medo e como age para superar?

II) Como você tem encorajado as pessoas a sua volta?

Mis. Joana Raphael
Projeto Escolhas